Textos

                 530002_361046527345750_1685180622_n.jpg
Imagem: clioescolar.wordpress.com

                 AS CARTAS DE ANTIGAMENTE
 
                Nos tempos em que as cartas eram escritas manualmente e entregues em mãos ou aos endereços pelo serviço dos correios, havia emoção ao receber e ao ler o que vinha no envelope. A curiosidade era tanta que a família inteira se reunia em volta de uma mesa na hora de abrir as mesmas. Nas de amor às vezes vinha um coração desenhado. As que traziam notícias de morte algumas eram pintadas de roxo ou de azul, feito com lápis de cor.
                Cartas de despedidas algumas manchadas de lágrimas. Era muita emoção mesmo! Não era apenas o papel, mas até a forma das letras que escreviam muitas vezes já revelava o estado em que o remetente se encontrava.
                Escreviam sobre a saudade, o amor que declaravam um para o outro e notícia da família. Assim era normalmente o teor dessas missivas. Líderes escreviam para seus liderados orientando o que era para fazer. E assim por diante.
                Assim eram as cartas de antigamente.
 
(Christiano Nunes)

 
Christiano Nunes
Enviado por Christiano Nunes em 06/03/2016
Alterado em 06/03/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (www.christianonunes.recantodasletras.com.br). Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr