Textos


Imagem do Google

SAUDADES DO QUE NUNCA ACONTECEU
 
Saudades daqueles beijos gostosos
Que nunca passaram do pensamento
Aqueles momentos mui deliciosos
Que ultrapassaram a distância e o tempo.
 
Nunca passou de boa imaginação
Como se estivéssemos bem juntinhos
Sentia até o pulsar do seu coração
Mas eram reais os nossos carinhos.
 
Lágrimas que não consegui enxugar
Apenas a voz, doce melodia
Doces lábios que não consegui provar
Mas mesmo assim era pura alegria.
 
Saudades das nossas lindas quimeras
Apenas sonhos, nunca realidade
Té pareciam eternas primaveras
Do que não aconteceu, sinto saudades.
 
(Christiano Nunes)
 
 

 
Christiano Nunes
Enviado por Christiano Nunes em 29/11/2016
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr