Textos


TENTATIVA DE SONETO

Arrisco aqui num soneto modesto
Tento juntar as necessárias rimas
Vou lutando, pratico até esgrima
Importante é a poesia, o resto é resto.

Só sei que tem de ter quatorze versos
Dez sílabas, essa é a tal métrica
Vou tentar passar uma serra elétrica
Jogando palavras faço os reversos.

Assim nasce o filho, depois o neto
Mas tudo em palavras, em simples poemas
Oh! É u'a tentativa de soneto.

Mas não importa quem e quais são os temas
Eu vou conseguir, não ficarei quieto
Chegar no fim é um dos nossos lemas.

(Christiano Nunes)




Linda interação de   Adria Comparini

TENTATIVA DE SONETO

 Adria Comparini

Estes versos em amor engalanados
Rubros de encanto sempre enamorados
Que minh'alma canta angustiada
De paixão latente e embriagada,

Não são das flores apenas espinhos
Mas são na verdade somente descaminhos
Curvas necessárias na aridez da estrada
Anseios e sonhos de noite enluarada.

Se procuravas achar um amor sincero
Um desejo puro, um carinho vero
Encontrastes então aquilo que mais quero!

Pois na imensidão da vida que escolhi
Fostes a mais bela visão que antevi
Um farol brilhante a me dizer: Te espero!

// Agradeço a gentileza do poeta Christiano Nunes/ (por email em 11/03/2011)/

VERSOS SINGELOS

Estes versos tão singelos
Faço pra você neste momento
Tu és a flor do campo
Mas não está ao relento. .
Christiano Nunes
Enviado por Christiano Nunes em 08/06/2017
Alterado em 13/06/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr