Textos


Imagem do Google

 TEU BARDO
 
Eu vou, mas com certeza voltarei
Enquanto isso, deixo pra ti a lembrança
Alguns versos da minh’alma arrancarei
Tal qual u’a meiga e inocente criança.
 
Nos poemas de ti vou me lembrar
Das belas tardes bastante gostosas
Nos teus pensamentos hei de cantar
Hão de ser manhãs mui maravilhosas.
 
Olho pra lua que desliza no céu
Falo co’a estrela na constelação
Ultrapasso além-fronteiras e véus
Pra entoar pro meu bem uma canção.
 
Assim farei a declaração de amor
Digo a verdade tudo o que eu sinto
Vais ouvir o teu bardo trovador
De qualquer lugar serás minha ouvinte.
 
(Christiano Nunes)




Linda interação de  nea 

Ouço uma canção na voz do vento
Reconheço nela a voz do meu amado
É uma melodia, um acalanto
Falando que o amor, está no seu peito bem guardado!



Linda interação de   Leila Azevedo

O bardo estando de volta
A amada voltou a sorrir
Contou cada minuto e segundos
Juntos vão prosseguir
Por certo a canção ela ouvia
Em cada noite com lua
A saudade era tanta
Na certeza de ser tua.




.
Christiano Nunes
Enviado por Christiano Nunes em 14/07/2017
Alterado em 29/07/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr