Textos


Imagem do Google

ATREVIDA SAUDADE
 
A saudade chega a ser engraçada
Calada cá no nosso peito dói
Corrói dentro da noss’alma angustiada
Felicidade, esta desconstrói
 
Caminho pela estrada desta vida
Atrevida está sempre a me acompanhar
Andar comigo quer essa enxerida
Oferecida, fez de mim seu lar.
 
Com ela vou andando de carona
Dona de mim ela pensa que é
Até se acha a maior sabichona
Bestalhona, que me derrubar quer.
 
Saudade, presença de quem ‘stá ausente
De repente traz pra perto de mim
Enfim, ficamos juntos mentalmente
Finalmente de quem ama é o fim.
 
(Christiano Nunes)
 

 
Christiano Nunes
Enviado por Christiano Nunes em 17/12/2017
Alterado em 17/12/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (www.christianonunes.recantodasletras.com.br). Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr