Textos


Imagem: www.segfoco.com.br

PAI, UM HERÓI SEM MEDALHAS
 
 U’a figura muito pouco lembrada

De importância quase desconhecida

Mas sem a tal, ninguém viria à vida
Criatura por demais abençoada.
 
Quando pode pelos filhos constrói
Algo durável para o seu futuro
De sol a sol o pai trabalha duro
Sem medalhas, mas verdadeiro herói.
 
Os filhos deveriam beijar seu rosto
Honrá-lo e respeitá-lo no dia a dia
Fazer isso sempre com muito gosto.
 
Pena que nem sempre é alegria
E no segundo domingo de agosto
Comemoramos seu abençoado dia.
 
(Christiano Nunes)



O soneto acima é uma republicação. Publicamos aqui a primeira vez agosto / 2014

 

 
Christiano Nunes
Enviado por Christiano Nunes em 11/08/2019
Alterado em 11/08/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr